RSS

4ªs de Final – 3 e 4

SÁBADO07.07.

QUARTAS de FINAL (4)

(vencedor de 7 x vencedor de 8)

11h

Em SAMARA – (4)

SUÉCIA 0 x 2 INGLATERRA

*

Primeiro tempo: as duas equipes procurando atacar mas ao mesmo tempo com muitos cuidados defensivos. O primeiro chute da partida foi da Suécia, aos 12 minutos. A Suécia concede espaços para o adversário, se defendendo com praticamente os dez da linha, e tentando especular nos contra-ataques. O problema é que a Inglaterra gostou do jogo e passou a pressionar bastante. O gol aconteceu não por acaso, em cima da fragilidade da defesa sueca.

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: para a Suécia, tudo ou nada. Para a Inglaterra, administração. A Inglaterra faz um jogo de toque de bola, marcando um pouco mais do que a Suécia, que é perigosa, mas segue fazendo jogo de deixar a bola com o adversário e continuou mostrando fragilidade defensiva. Jogada tramada do ataque sueco que termina com defesa de Pickford no canto direito, no chão, aos 16. A verdade é que apesar de uma ou outra tentativa mais forte, a Suécia não teve poder de reação. A Inglaterra passou o segundo tempo todo na pressão, com a bola praticamente só no campo de defesa sueco. O resultado não foi surpresa.

Gols: cobrança de escanteio da esquerda, pé trocado de Ashley Young, bola alta na marca do pênalti, onde Maguire aparece, vindo de trás, para cabecear no canto inferior direito de Olsen, aos29. Segundo tempo: jogada tramada do time inglês, sai cruzamento da direita, a bola faz uma curva e Dele Alli, vindo de trás, aparece para cabecear à queima-roupa, sem chance de defesa para Olsen, aos 13.

*

A Inglaterra passa para as semifinais.

ЭЭ

QUARTAS de FINAL (3)

(vencedor de 3 x vencedor de 4)

15h

ESOCHI – (3)

RÚSSIA 1 x 1 CROÁCIA

*

Primeiro tempo: nos primeiros minutos, apesar da pouca efetividade, a iniciativa é toda da Rússia, que começa a partida meio que encurralando a Croácia no seu campo. Só que muito cedo a Croácia equilibrou a passou a também atacar. A partir de dez minutos o jogo fica lá e cá. O equilíbrio foi tanto que o árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci deu apenas dois minutos de acréscimos. Na verdade, desequilibrado foi o número de cartões amarelos, que para a Croácia foram dos, enquanto a Rússia não levou nenhum.

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: começando com uma pressão croata. Presume-se que os cuidados serão maiores por parte das duas equipes, já que agora é tudo ou nada para as duas. E foi quase o mesmo que nada. Nenhuma das duas conseguiu atacar muito. O segundo tempo foi ruim e mesmo assim o Sandro deu cinco minutos de acréscimos. E não pudemos escapar da prorrogação. Quase no final do tempo de jogo o goleiro Subasic acusou lesão muscular, mas como a Croácia já havia feito três substituições, ficou até o final, e ainda fez pelo menos uma grande defesa e, chute cruzado, aos 48.

Gols: jogada de Chéryshev, que tabela com Dzyuba, recebe a bola na intermediária pelo meio, envolve a defesa croata e da entrada da área dá um chutão, mandando a bola no canto direito de Subasic, que sequer esboçou tentativa de defender, aos 31; Mandzukic arranca pela ponta esquerda, entra na área e cruza para o meio, bola à meia altura, onde Kramaric, na marca do pênalti, vindo de trás, cabeceia para empatar, aos 39.

PRORROGAÇÃO

1° tempo: para variar, estava acontecendo uma situação de equilíbrio até os 10 minutos, quando numa cobrança de escanteio a bola vem à meia altura e Vida cabeceia, ela cruza a área passando no meio de todo mundo e Akinfeev fica sem poder de reação, olhando-a entrar no canto inferior esquerdo. A partir disso a Rússia se obriga a sair. A Croácia já vinha de uma prorrogação, quando eliminou a Dinamarca, e o cansaço pode pesar, se a Rússia passar a impor uma correria. Muito provavelmente por conta da comemoração do gol croata, Sandro deu dois minutos de acréscimos.

2º tempo: no segundo tempo a Rússia teve que sair para o tudo ou nada. Chute de Kuzyaev que Subasic pega sem dar rebote no meio da pequena área, aos 6. Aos 9 minutos a cobrança de uma falta desnecessária redundou em gol de Mário Fernandes, que sozinho no meio da área cabeceou a bola no canto inferior direito de Subasic. Chute de Zobnin da entrada da área que Subasic pega no canto inferior direito, aos 13. No segundo tempo Sandro não dá acréscimos.

A decisão vai para as cobranças de tiros livres

A Rússia começa batendo.

Smolov bate no meio do gol e Subasic defende com a mão. Brozovic bate e converte (1). Dzagoev bate e converte (1). Kovasic bate e Akinfeev defende no canto inferior esquerdo. Mario Fernandes bate rasteiro para fora. Modric bate e converte, bola batendo em Akinfeev e depois na trave, no canto direito (2). Ignashévich bate e converte (2). Vida bate e converte (3). Kuzyaev bate e converte, bola no canto direito (3). Rakitic bate e converte, bola no canto inferior direito (4).

*

A Croácia enfrenta a Inglaterra nas semifinais.


Your Comment