RSS

Brasil 2 x 0 México

8ªs de FINAL – (5)

(1° de E x 2° de F)

ESAMARA – 02.07.

11h

Escalação que começa a partida:

Alisson; Fagner (22), Thiago Silva (2), Miranda (3) e Filipe Luís (6); Paulinho (15), Casemiro (5), Philippe Coutinho (11) e Willian (19); Neymar Jr. (10) e Gabriel Jesus (9).

Técnico: Tite.

*

Primeiro tempo: tendo a saída de bola, o México começa a partida atacando. Faz marcação alta, na tentativa de prejudicar a saída de bola brasileira. Chute de Neymar da entrada da área que Ochoa espalma para o lado, aos 5. O começo de jogo do Brasil não é bom. Está encurralado em seu campo, quase sem conseguir passar da metade do campo. O México segue exercendo marcação alta, e o Brasil não respira. Neymar faz jogada individual dentro da área pelo lado esquerdo, e tem a finalização bloqueada por Ochoa, aos 24. Jogada do ataque brasileiro dentro da área pela esquerda, Gabriel Jesus bate cruzado e Ochoa faz outra defesa importante, aos 31. Depois de suportar o ímpeto inicial do time mexicano o Brasil entra no jogo e passa a pressionar. Ao final do tempo de jogo o equilíbrio era tanto que o árbitro não deu acréscimos. Para não falar só de equilíbrio, enquanto Ochoa teve algum trabalho, Alisson não chegou a ser acionado a não ser para cobrança de tiros de meta.

O México volta com Layún no lugar de Rafael Márquez, na volta do intervalo.

Segundo tempo: a saída é do Brasil e o Brasil sai para cima do adversário no recomeço de jogo. Philippe Coutinho faz jogada dentro da área pela esquerda e bate cruzado, de pé trocado, para defesa parcial de Ochoa, aos 3. Depois do gol brasileiro o México volta a tentar impor seu jogo de velocidade e sai para o ataque. Jogada de ataque do Brasil pela direita, sai o cruzamento de Fagner para o meio da área, onde Paulinho de primeira bate para o gol obrigando Ochoa a fazer mais uma grande defesa parcial, aos 13. Chute de Carlos Vela que Alisson coloca para escanteio, aos 16. Jogada de Willian na entrada da área que termina com tiro cruzado e Ochoa mandando a bola para escanteio, aos 18. Chute fraco, cruzado, de Willian, que Ochoa defende no chão, aos 29. À medida em que o tempo vai passando jogadores do México vão ficando mais nervosos e mais violentos. Nos minutos finais a pressão é toda mexicana. Por conta de interrupções por faltas mexicanas, o árbitro dá 6 minutos de acréscimos….

*

Cartões: amarelo para Filipe Luís, aos 41. Segundo tempo: amarelo para Casemiro, aos 14.

Gols: segundo tempo: Neymar faz passe de calcanhar para Willian, que entra na área pelo lado esquerdo e faz cruzamento, a bola atravessa a área e do outro lado o próprio Neymar aparece para mandar a bola para as redes, aos 5; Neymar lançado em velocidade na esquerda, ganha na corrida de todo mundo, entra na área e bate cruzado em gol, Ochoa toca na bola e desvia, mas Roberto Firmino aparece para completar para as redes, aos 43.

Trocas: segundo tempo: Fernandinho (17) vem para o jogo no lugar de Paulinho, aos35; Roberto Firmino (20) vem para o jogo no lugar de Philippe Coutinho, aos 41; Marquinhos (13) vem para o jogo no lugar de Willian, aos 46.

*

ArbitragemGianluca Rocchi (Fifa/ITA), com Elenito di Liberatore (Fifa/ITA) e Mauro Tonolini (Fifa/ITA).

Foram necessários 37 minutos e três faltas para o árbitro italiano amarelar a vida de algum mexicano por falta em Neymar. Aos 31 do segundo tempo, mais um cartão amarelo para um mexicano por mais uma de muitas faltas sobre Neymar.

Melhor do jogo: Neymar.

O Brasil passa às quartas de final.


Your Comment