RSS

BRASIL 2 x 1 Venezuela

COPA AMÉRICA 2015 (3)

Depois da derrota e da confusão protagonizada por Neymar ao final da partida; de dias contu4rbados pela expectativa de punição ao jogador, que foi eliminado da competição com 4 jogos de suspensão e uma multa de U$ 10 mil, a Seleção Brasileira continuou líder pelo saldo de gols e hoje joga a sorte pela classificação em primeiro lugar do Grupo C.

No ESTÁDIO MONUMENTAL – 21.06.

18:30

Jefferson; Daniel Alves, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Fernandinho, Elias, Phillippe CoutinhoWilliam e RobinhoRoberto Firmino.

Técnico: Dunga.

Cartões: segundo tempo: amarelo para Thiago Silva, aos 38.

Gols: Robinho cobra escanteio, bola aérea a área venezuelana, e Thiago Silva, sem deixar que ela caia, bate para as redes, aos 9. Segundo tempo: William lançado por Filipe Luiz na esquerda, avança em velocidade e cruza; Firmino entra por entre os zagueiros e completa para as redes, aos 6; Arango cobra falta, Jefferson toca na bola, ela bate na trave e volta para o meio da área, onde Nicolas Fedor estava para completar de peixinho para as redes, aos 38.  

Trocas: segundo tempo: David Luiz e Diego Tardelli vêm para o jogo nos lugares de Phillippe Coutinho e Roberto Firmino, aos 22; Marquinhos vem para o jogo no lugar de Robinho, aos 31.

*

Mais um jogo que começa em alta velocidade, e talvez por causa disso também com muitas faltas. Até os 15 minutos o Brasil não tinha mais que o chute que virou gol. Aos 16 Robinho deu um chute porc9ma do gol de Baroja, bola que passou muito perto do travessão. O primeiro arremate da Venezuela aconteceu com Vargas, por cima do gol brasileiro, aos 19. Aos 23 Filipe Luís dá um chute forte de dentro da área e Baroja espalma para escanteio. Aos 38 Robinho arranca em velocidade e lança William, que entra na área e chuta forte; o goleiro coloca para escanteio; na sequência, Miranda chuta para fora, bola passando à direita de Baroja. Aos 43 Cichero cruza uma bola que passa em cima do gol brasileiro, enquanto Jefferson hesita em sair.

Para o segundo tempo o Brasil volta igual e a Venezuela com duas alterações. Com 15 segundos Phellippe Coutinho quase marca o segundo chutando uma bola à esquerda do gol de Baroja. Cobrança de falta aos 10 e Jefferson manda a bola para um escanteio desnecessário, a bola ia para fora. Aos 18 Robinho faz jogada individual passando por vários adversários e chutando desviado, pelo lado esquerdo do gol de Baroja. Aos 31 Gonzalez dá um chute forte, alto, pro cima do gol de Jefferson. Aos 33 foi a vez de Marquinhos chutar: bola no meio do gol, onde Baroja não teve dificuldade para segurar. Aos 35 David Luiz dá uma bicicleta, Baroja defende sem dar rebote, lance de grande beleza plástica. Aos 47 Fedor perde outro gol em cruzamento que passa na frente do gol brasileiro; Jefferson já não estava na jogada.

Brasil se classifica em primeiro e se habilita para enfrentar o Paraguai nas quartas de finais.

*

Arbitragem: Enrique Caceres (Fifa/PAR), com Rodney Aquino (Fifa/PAR) e Carlos Caceres (Fifa/PAR).

Público: 33.284.

Melhor do jogo: Robinho


Your Comment