RSS

Brasileirão 2018 – 31

Depois do frustrante empate com o Santos em casa, quando perdeu a vice liderança e viu o Palmeiras abrir cinco pontos de vantagem, o Colorado agora tem que fora de casa sair para cima de um adversário que ainda luta para escapar do fantasma da degola, em circunstância em que só a vitória interessa, para nem falar na torcida por alguns resultados paralelos. Confronto entre o 3° e o 15° colocados.

Em SÃO JANUÁRIO – 26.10.

21h30

(1) VASCO 1 x 1 INTER (3)

*

Primeiro tempo: começando com o Vasco tentando atacar, mas o time é muito ruim, e o Inter equilibra desde o início. O primeiro tempo teve muita correria, mas foi o Vasco quem fez Marcelo Lomba trabalhar, fazendo algumas defesas e intervenções importantes, enquanto Martín Silva fez apenas uma intervenção e cobrou alguns tiros de meta. O Ataque colorado inexistiu ao longo de toda primeira etapa.

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: começando com o Inter tentando se impor. Yago Pikachu lançado dentro da área cara a cara com Lomba, que faz defesa importantíssima mandando a bola para escanteio, aos 3. Primeira finalização colorada na partida, Edenilson lançado na entrada da área bate cruzado para defesa de Martín Silva com as pernas, aos 11. Thiago Galhardo faz cruzamento de pé trocado da direita, a bola faz uma curva, foge do alcance de Marcelo Lomba e vai no pé da trave direita e volta para o campo de jogo, aos 18. O jogo parecia que não teria nada de mais, até o momento em que aconteceu o gol colorado. Infelizmente, para o Inter, o pênalti assinalado para o Vasco realmente aconteceu.

Resultado que mantém o Inter na terceira colocação.

Gols: segundo tempo: Wellington Silva faz jogada pela esquerda, bate cruzado de dentro da área, Martín Silva espalma a bola para o campo de jogo, e da entrada da área Jonatan Álvez bate enviesado para enganar o goleiro, bola no canto inferior direito, aos 39; Maxi López cobrando pênalti, aos 46.

*

Árbitro: Igor Júnio Benevenuto de Oliveira (AB/MG), com Felipe Alan Costa de Oliveira (AB/MG) e Ricardo Júnio de Souza (AB/MG).

Aos 12 minutos do primeiro tempo Victor Cuesta comete pênalti sobre Leandro Castan com uma cotovelada; os assistentes do árbitro se omitem e a penalidade não é assinalada. Ao 29 do segundo tempo Jonatan Álvez é empurrado dentro da área e de novo os assistentes do árbitro se omitem. Aos 43 Nico López é puxado num contra-ataque que poderia redundar num segundo gol colorado e o árbitro sequer dá a falta. Ainda aos 43 Yago Pikachu cai na área em jogada normal, o árbitro deixaria a jogada passar, mas o auxiliar atrás do gol avisa que houve pênalti de Victor Cuesta.

Público: pagante 8.301; total 8.648; renda R$ 262.320,00.

Melhor do jogo: Marcelo Lomba.


Your Comment