RSS

Brasileirão 2018 – 8

D’Alessandro ainda suspenso; Rossi escalado para jogar no ataque ao lado de Potter, que perde força no conceito do treinador e da torcida, mas é a opção de ataque já que Damião não pode jogar.. O adversário joga em casa pensando na afirmação de uma campanha em que começa a se destacar na comparação com o rival local. Entra na rodada na 14ª posição. O visitante entra na oitava.

No BARRADÃO – 30.05.

19h30

VITÓRIA (de virada) 2 x 3 INTER

Gols: cruzamento de Zeca da direita, a bola viaja sobre a área do Vitória e cai do outro lado, onde Patrick, sem marcação, apara de primeira e bate cruzado para vencer Elias, aos 25. Lucca faz cruzamento rasteiro da direita e Aderlan na pequena área desvia a bola do goleiro Elias e faz gol contra, aos 39. Wallyson cobra falta da esquerda, Zeca coloca o pé na bola e desloca Danilo fazendo gol contra, aos45. Segundo tempo: Lucas Fernandes cobra de pé trocado escanteio da esquerda, bola aérea na área colorada, Danilo sai mal e Aderlan, de cabeça, completa para as redes, aos14; Nico López lançado em velocidade ganha da zaga na corrida e da entrada da área bate cruzado, Elias ainda toca na bola mas não evita o gol, aos 48.

*

Primeiro tempo começando com o Inter tomando a iniciativa de atacar. Jogada do ataque do Vitória que termina com chute de Neilton de dentro da área quase à queima roupa que Danilo defende no meio do gol, aos 6. Lucas Fernandes divide a bola com Danilo sem fazer falta, bola colocada pela linha de fundo por Zeca, aos 29. Rossi cobra pênalti por ele sofrido, a bola roça o travessão e vai à linha de fundo, aos 43. O Vitória atacou pouco e se defendeu mal. O Inter teve domínio quase total das ações, mas pecou ao perder um pênalti e depois um lance fortuito recolocou o Vitória no jogo. 

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo começando com o Vitória tentando esboçar uma reação, sem muita qualidade. Chute cruzado de Wallyson da esquerda que Danilo defende no canto direito, aos 20. O Vitória apertou o Inter durante todo o segundo tempo e não teve competência sequer para segurar o empate.

Resultado que deixa o Colorado na segunda colocação.

*

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP), com Emerson Augusto de Carvalho (Fifa/SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP).

Aos 15 do primeiro tempo o árbitro se omitiu e deu cartão amarelo em jogada de Victor Cuesta, que dividiu uma bola com o goleiro Elias entrando com a trava alta sem chance de acertar a bola e atingiu apenas o goleiro, falta de cartão vermelho direto. Aos 41 acontece o pênalti de Kanu sobre Rossi, prontamente assinalado pelo árbitro.

Público: pagante …………………….; total …………………..; renda R$ …………………….

Melhor do jogo: Victor Cuesta.


Your Comment