RSS

Brasileirão 2019 – 6

Com D’Alessandro em grande forma jogando junto com Nonato, Odair Hellmann tenta a primeira vitória fora de casa num confronto de seis pontos que pode colocá-lo dentro da zona de elite em caso de vitória.

Na VILA BELMIRO – 26.05.

16h

SANTOS 0 x 0 INTER

*

Primeiro tempo: muito estudo de lado a lado dá o tom do começo de partida.  Odair opta por começar com Guilherme Parede em vez de D’Alessandro. Rodrygo faz cruzamento baixo da direita, Lomba dá um tapa na bola para o meio e Bruno manda para escanteio, aos 10. O jogo é nervoso dentro e fora do campo. Sampaoli, um seu auxiliar e Odair levam cartão amarelo por discussão com o quarto árbitro, aos 35. Guerrero lançado por Nico ganha de um zagueiro e cara a cara chuta para o gol e Vanderlei faz defesa milagrosa, mandando para escanteio, aos 36. Chute cruzado de Rodrygo de dentro da área pela direita que Lomba pega no chão, no meio do gol, aos 41. Sóbis leva cartão amarelo por reclamação estando no banco, aos 41. O Santos teve maior posse de bola até metade do tempo de jogo mas não teve competência para transformá-la em vantagem no placar. Depois do gol anulado o Inter partiu para o ataque e levou perigo à defesa santista. Carlos Sanchez chut a à meia altura da intermediária e Lomba defende no meio do gol, em dois tempos, aos 47.

VAR: usado para anular um gol do Inter, aos 30.

O Santos volta com Eduardo Sasha no lugar de Carlos Sanchez para o reinício de partida.

Segundo tempo: a movimentação no recomeço de jogo é igual à do final do primeiro tempo, as duas equipes procurando atacar e com a posse de bola dividida. Chute de Jean Lucas do meio da rua que Lomba pega no canto inferior direito, aos 5. Chute cruzado de Diego Pìtuca pela esquerda que Lomba defende para o lado, no meio do gol, aos 26. Cruzamento de pé trocado da direita, a bola cai na frente do gol colorado e Lomba faz intervenção mandando a bola para o lado, aos 30. Nos minutos finais o Santos exerceu forte pressão, chegou quase à marcação de um gol, mas esbarrou em salvadoras intervenções de Marcelo Lomba. Por seu lado, o Inter teve algumas boas iniciativas mas também não conseguiu furar o bloqueio defensivo santista, além dos próprios erros de pontaria. No segundo tempo Vanderlei foi ainda menos exigido que na primeira etapa.

VAR: fazendo alerta ao árbitro no momento do pênalti assinalado aos 37, serviu para anular a marcação, porque o jogador santista se atirou antes do contato com o jogador colorado.

Resultado que faz o Inter perder uma posição, caindo para sexto, podendo cair um pouco mais até o final da rodada, na segunda-feira à noite.

*

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR), com Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (AB/PR).

Público: pagante ………………….; total 12.756; renda R$ 479.440.

Melhor do jogo: Guilherme Parede,


Your Comment