RSS

Dia 151 – 2019

sexta

Horário da Postagem

08h50min

Em Porto Alegre a umidade relativa apresenta avanço, oscilando entre 89 e 100%; a temperatura mínima apresenta estabilidade, na casa dos 16 a 17°Celsius; a chuva continua presente no quadro do tempo e a expectativa é de que se estenda ao longo do dia; a velocidade média do vento se mantém rigorosamente estável sem assustar, com movimentação entre 15 e 19 km/h; a temperatura máxima também se apresenta estável, com variação de 16 a 17°. No momento desta publicação, 16°. Dados de aplicativos de clima para celular (Yahoo Tempo, Accu Weather, GoWeatherForecast, Tempo Agora, Radar Meteorológico).

Bom, então aconteceu que que a volta das férias, na quinta-feira, foi um dia muito atribulado, em função tanto de questões administrativas, como a mudança (mais uma) nas escalas de final de semana, quanto de problemas na transferência do meu perfil de usuário da máquina antiga para a nova (porque enquanto estive fora foi feita a mudança já programada de postos de trabalho de vários colegas).

Como a migração de perfil não tinha dado certo (apesar dos colegas executores jurarem de pés juntos que haviam conseguido), foi preciso fazer e refazer o procedimento, até que conseguissem, mas até a hora em que saí, ontem, não haviam, e por estar sem as ferramentas necessárias sequer cheguei a me logar. Ou seja, não pude trabalhar.

Hoje estava tudo certo

Com relação à  nova mudança na escal, foi tudo porque o gerente (que era o chefe até eu sair em férias) precisava falar comigo sobre alguns procedimentos e não queria que o novo chefe (que até eu sair em férias atuava no pessoal de Apoio) se envolvesse porque a decisão não tinha sido dele. Mas antes desta conversa eu já tinha falado com o novo chefe e já havíamos acertado as pontas para a retomada da rotina de plantões em finais de semana, desde que eu me comprometesse com alguns procedimentos operacionais.

Num primeiro momento o acordo saiu para julho, mas quando fui comunicar aos colegas aproveitei para me oferecer para fazer trocas de escalas nos finais de semana de junho. Todos toparam, mas aí se percebeu eu para alterar escala de um seria necessário alterar de outros, pela questão de eu ficar com muitos dias trabalhados entre uma folga e outra. Esta percepção levou à conclusão de que seria preciso mudar toda a escala de junho.

A ideia foi levada ao chefe, ele concordou e então voltou tudo ao que estava antes. Os colegas ficaram felizes em não ter mais que vir em finais de semana e eu disse que isso mereceria um cafezão, e todos concordaram .

Já teve gente bem feliz por não precisar vir aqui amanhã, que também tem previsão de chuva.

Quanto ao novo lugar, não gostei do ponto, que tem uma coluna atrás, e eu fico de tranca-rua de quem precisar passar, e toda hora me mexendo para dar espaço. Já a máquina tem um teclado que eu gostei, a tela é bem grande (do tipo para idoso com problema de visão), mas o telefone do posto é limitado nas opções de  toque e não gostei de nenhum.

P.S.: para a redação deste posta gastei duas folhas gigantes de rascunho. Nos dias em que estive de folga em casa desovei muita tira de papel, o que foi ótimo, mas não chegou a fazer cócegas na quantidade que há na gaveta da mesa do PC. Depois que acabar com todas as folhas de rascunhos que tenho aqui vou voltar a trazer de casa, e aí o descarte de material da gaveta vai dar uma acelerada.

Se quiser visualizar as fotos do quadro do tempo acesse o link Quem Vai Querer Saber, lá embaixo. Será redirecionado para um álbum no Facebook.


Your Comment