RSS

Dia 176 – 2018

segunda

Horário da Postagem

07h52min

Temperatura mínima dá uma leve recuada, caindo a 10°Celsius; o vento volta a enfraquecer, com a queda da temperatura máxima, ficando na marca dos 10 km/h; umidade relativa volta a apresentar alta, oscilando de 63 a 86%; o dia mais uma vez amanhece chuvoso, e continua prometendo se estender ao longo do dia; temperatura máxima ainda no elevador para baixo. Dados do site Tempo Agora.

Bom, então acontece que o dia amanheceu chuvoso, e isso não estava nos planos iniciais de ninguém. Quando cheguei na empresa havia uma última vaga no estacionamento dos fundos, mas por causa da chuva eu não a estava enxergando. Me surpreendi quando o amigo da guarita levantou a cancela.

E entrei mas continuei não enxergando a vaga. Fiz a volta e me preparava para sair quando o amigo saiu do posto dele e me indicou onde poderia deixar a Marau. O caso é que um outro colega havia estacionado o carro dele tão mal que parecia que não havia espaço. O amigo da guarita disse que depois falaria para o colega ajeitar melhor o veículo. Disse também que o colega sairia depois de mim.

Então me animei a manobrar e colocar, como sempre, de ré.

Isso dito, já comecei o dia descartando papel, porque o rascunho deste post já consumiu o folheto (não sei que nome isso possa ter, então escolhi um termo aleatório) de embalagem de lençol. Ao longo da manhã cm as anotações de trabalho vai quase o outro que está na gaveta. Ontem à tardinha, conversando com a Lisi, falei para ela sobre o quanto sou agradecido por ela ter feito com que eu interrompesse minha trajetória de acumulador de papeis. Tornou-se fácil, de uma maneira prática, começar a evitar de guardar quaisquer pedaços de papel, inclusive os comprovantes de registro de ponto, no trabalho.

Agora eu simplesmente os coloco no cesto do lixo reciclável tão logo são emitidos pelo relógio. Por causa da Lisiane passei a me sentir mais leve. E não dói.

P.S.: como prometido em postagem anterior, fotografei o arranjo dos nichos na parede do quarto de dormir. Ei-los:

Para visualizar as fotos do quadro do tempo acesse o link Quem Vai Querer Saber™, lá embaixo. Será redirecionado para um álbum no Facebook.


Your Comment