RSS

Dia 198 – 2019

quarta

Horário da Postagem

07h32min

Em Pelotas a velocidade média do vento perde força, com movimentações entre 3 e 4 km/h; a temperatura máxima tem pequeno avanço, na casa dos 17 a 19°; a umidade relativa permanece em alta, oscilando entre 95 e 100%; a temperatura mínima tem estabilidade, com variação entre 5 e Celsius; o dia amanheceu com forte neblina, o que corrobora a expectativa de que a chuva segue fora do quadro do tempo. No momento desta publicação, 6°. Dados de aplicativos de clima para celular (Yahoo Tempo, Accu Weather, GoWeatherForecast, Tempo Agora, Radar Meteorológico).

Bom, então aconteceu que na terça fomos a Rio Grande para ver os restos do navio Altair, navio mercante que encalhou na costa da Praia do Cassino em 1976 e já foi um grande atrativo para os turistas na cidade, mas agora que está muito deteriorado pelo tempo já não chama tanto a atenção. Eu sempre havia escutado dizer que a praia do Cassino é a maior do mundo, mas a gente só tem noção quando vai lá,

É muita praia.

Claro que antes de chegarmos a ver os restos do barco acabamos nos perdendo, como aconteceu nos altos da Serra do Rio do Rastro, em Santa Catarina, no começo do ano, e nem seríamos nós se isso não tivesse acontecido. Foi muita andança.

Como na vez anterior, houve um momento em que depois de muito rodar acabamos num beco sem saída, na porteira de uma fazenda. O GPS do Google Maps não reconhece as estradas de chão, para nem falar que sem sinal de internet no meio de fazendas dos dois lados da estrada é bem mais complicado. Como na vez anterior, aquele foi o momento de fazer a volta e retornar por todo caminho percorrido até ali, porque, também como na vez anterior, aquele caminho só tinha uma entrada.

Como na vez anterior, cruzamos com bois deitados no meio da estrada. A surpresa desta vez foi termos  encontrado um caminhão de recolhimento do lixo local atravessado no meio da pista de terra batida, estragado. Os lixeiros tiveram que aplainar o que sobrava de acostamento para a Big Toy não atolar na areia mais ou menos úmida, e eu tive que ainda cuidar para não acertar o estribo da traseira do caminhão.

Foi uma aventura.

Almoçamos e depois do dono do restaurante nos deu uma dica segura de como chegar aos restos do Altair. Depois fizemos umas compras num camelódromo do Centro de Rio Grande, demos uma volta no Big de lá (ontem fomos no daqui) e depois voltamos para Pelotas.

Se quiser visualizar as fotos do quadro do tempo acesse o link Quem Vai Querer Saber, lá embaixo. Será redirecionado para um álbum no Facebook.


Your Comment