RSS

Dia 215 – 2019

sábado

Hora da Postagem

10h01min

Em Porto Alegre a temperatura máxima tem expectativa de estabilidade, na casa dos 14 a 16°; a umidade relativa volta à tendência de baixa, oscilando entre 83 e 87%; a temperatura mínima também se mostra estável, variando entre 7 e Celsius; a chuva fica fora do quadro do tempo para todos os aplicativos; a velocidade média do vento se mantém acelerada, ainda que não assuste, com movimentações entre 14 e 18 km/h. No momento desta publicação, 11°. Dados de aplicativos de clima para celular (Yahoo Tempo, Accu Weather, GoWeatherForecast, Tempo Agora, Radar Meteorológico).

A MULHER de BRANCO

Assim anda a Lisiane todos os dias em função do trabalho no ambiente hospitalar, apesar da atividade de cuidadora não ter vínculo com o hospital.

Hoje cedo quando falei a ela que “a mulher de branco” era um bom título (pensando num conto, um livro, etc.), ela disse que a primeira coisa a ser dita é que a mulher de branco vive se cuidando para não sujar a roupa. Brinquei, então, falando que “roupa branca se suja até pelo contato com o ar“.

Pensando por este lado, dá um tremendo trabalho, mas que também dá um bom título não resta dúvida.

¦

Então hoje está sendo dia do meu primeiro plantão depois da volta das férias, em uma sequência de cinco. Consegui terminar a leitura da versão impressa da ZH por volta de 8h30. Como sempre, uma parte já havia sido eliminada na versão digital (um dos cadernos adiantados já estava disponível bem cedo na manhã de sexta), o que facilitou bastante. Minha expectativa é de que esteja pronto para publicar em torno das 10h. Ainda falta manejar as fotos do quadro do tempo.

Depois tenho que montar a espera para o jogo do Inter das 19h pelo Brasileirão. O Grêmio joga na segunda à noite, então terei tempo para preparar a outra espera. A tarde, portanto, será de desova de gravações do HD da NET. Talvez hoje consiga resolver definitivamente a questão da caixa do vaso sanitário de casa.

Basta comprar o kit certo.

š

Para esta produção ainda estou utilizando recortes de papeis da gaveta do armarinho aqui ao lado do posto de trabalho, mas daqui a pouco já vou voltar a trazer sobras de casa, e aí a desova do que está na gaveta da mesa do escritório vai galopar, porque todos os dias, no trabalho ou em casa, vou usar material de lá.

Se quiser visualizar as fotos do quadro do tempo acesse o link Quem Vai Querer Saber, lá embaixo. Será redirecionado para um álbum no Facebook.


Your Comment