RSS

Dia 269 – 2018

quarta

Hora da Postagem

08h11min

O dia começa com parcial nebulosidade mas a chuva segue presente no quadro do tempo; a umidade relativa retoma o viés de alta, com 7085%; a temperatura mínima continua acompanhando a estabilidade em alta da máxima, na marca dos 19°Celsius; a velocidade do vento segue fraca, com rajadas de até 5 km/h; a temperatura máxima continua em alta. Dados do site Tempo Agora.

Bom, então aconteceu que chegou ontem o sofá comprado na semana passada na Benoit de Nova Petrópolis. A vendedora ligou pela manhã questionando se a entrega poderia ser feita à tarde por conta da previsão de chuva para quarta-feira. A gente pensa que virá num caminhão (pensando em como eles farão a curva fechada da Deusdedit com a Wilson Adnislen, onde existe uma proibição de estacionamento que ninguém respeita), mas trouxeram o móvel numa Saveiro, ou algo parecido.

O maior problema dos entregadores foi que o sofá não coube no elevador. Sem os encostos, que são destacáveis, foram oito andares escada acima.

À noite, fazendo algumas medições, tanto do sofá quanto do elevador, a Lisi e eu chegamos à conclusão de que o novo não cabia, mesmo, no elevador. Não era nem questão de jeito de colocar (o que deve funcionar para o sofá que sai, que será recolhido pelo Mensageiro da Caridade na tarde de quinta). As medidas não bateram.

Com relação ao novo sofá: além da comodidade de ser um sofá cama retrátil e reclinável, ele vem com uma nova tecnologia: é ligado na eletricidade e tem num dos braços uma tomada para conectar o carregador de celular.

Tudo ligado e operante.

Isso dito, soube que ontem escapei de um problemão na empresa, porque a casa caiu e os colegas trabalharam de montão. E depois o povo não sabe por quê a pessoa faz questão de trabalhar no final de semana.

Na segunda-feira escrevi sobre duas novas contagens regressivas e acerto de uma já existente no blogue. A já existente é referente ao horário de verão, que teve a data de início alterada para o começo de novembro, a pedido do TSE. As novas são para a Copa América de 2019, a ser realizada aqui no Brasil, e para um período de trinta dias sem uso de cartões de crédito a não ser para alimentação, combustível e saúde.

Esta última é uma necessidade, mas também uma demonstração de força. Não é nada que não possa ser alcançado e já existe a possibilidade de prorrogação.

Para visualizar as fotos do quadro do tempo acesse o link Quem Vai Querer Saber™, lá embaixo. Será redirecionado para um álbum no Facebook.


Your Comment