RSS

Flamengo 1 x 0 GRÊMIO (1×1)

4ªs de FINAL da COPA do BRASIL 2018 (48)

Mais uma vez poupados no Brasileirão, os titulares do Grêmio voltam a campo para mais uma decisão contra o atual vice líder daquela competição em confronto que não tem gol qualificado e um dos dois será eliminado, seja no tempo normal, seja pela disputa de pênaltis.

JOGO de VOLTA

No MARACANÃ – 15.08.

21h45

Formação que inicia a partida:

Marcelo; Léo Moura (2), Geromel (3), Kannemann (4) e Cortez (12); Maicon (8), Jailson (25), Ramiro (17) e Luan (7); Everton (11) e André (90).

Primeiro tempo: começando com o Grêmio saindo para cima do adversário. Renato começa a partida cometendo um erro a meu juízo, insistindo com André, que está em muito má fase. Jael faria mais. O Flamengo exerce forte marcação que não se sabe até quando vai aguentar, mas com a vantagem do gol conseguido logo no início, quem vai ter que correr muito é o Grêmio, e com um homem a menos, já que André nunca entra no jogo. A partida é equilibrada, mas o Grêmio é totalmente dependente de Everton. Luan, André, Ramiro, não entraram o jogo ainda. O trabalho defensivo do Flamengo é bom. O goleiro Daniel Alves pouco mais fez do que simples intervenções. Houve momentos em que o Fla foi empurrado para seu campo de jogo, mas a posse de bola do Grêmio é ilusória, não tem profundidade, não leva a nada. No único lance em que poderia ter empatado, Everton quase embaixo da goleira colocou por cima, e além disso estava impedido.

As duas equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: começando com o Grêmio de novo saindo para cima do adversário. O ímpeto inicial gremista no reinício de partida não durou muito, e Renato, para variar, demorou muito para chamar Jael. Pode até não dar em nada, mas agora o time joga com nove e meio. Falta ainda o Luan. Jael faz em cinco minutos o que André não tinha feito em mais de uma hora: chutou em gol, mesmo fraco. Depois Renato baixa Ramiro para a lateral direita para colocar mais um atacante. E Luan segue sem entrar na partida. Ramiro salva o Grêmio de levar o segundo gol ao dar um carrinho competente, tirando a bola dos pés de Lucas Paquetá quase embaixo do gol, aos 31. Na segunda metade do segundo tempo, mesmo com todos os atacantes em campo, o Grêmio cede o equilíbrio ao Flamengo, que gosta do jogo e passa mais tempo no campo de ataque. Quase no final Renato parte para o tudo ou nada, porque dá no mesmo perder por um ou dois, ou três, etc. O árbitro concede ao Grêmio seis minutos para tentar o que não teve competência para fazer em noventa minutos. Ao Flamengo coube apenas se defender.

Cartões: segundo tempo: amarelos para Maicon, por reclamação, aos 29; Luan, por desinteligência no momento da saída de Diego, aos 43; Marinho, aos 47; Douglas, aos 48, por invadir o campo para devolver a bola, porque os gandulas sumiram.

Gols: Vitinho cruza da esquerda, bola à meia altura na área gremista, Cortez falha no momento de cortar, a bola espirra em Lucas Paquetá e sobra para Everton Ribeiro, que bate cruzado, da entrada da área, a bola passa por entre as pernas de Cortez e entra no canto inferior esquerdo de Marcelo Grohe, aos 5.

Trocas: segundo tempo: Jael (9) vem para o jogo no lugar de André, aos 19; Marinho (70) vem para o jogo no lugar de .Léo Moura, aos 25; Alisson (23) vem para o jogo no lugar de Maicon, aos 36.

O resultado elimina o Grêmio da competição.

*

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG), auxiliado por Kleber Lúcio Gil (Fifa/SC) e Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa/SP).

Público: pagante …………………….; total 55.461; renda R$ 2.467.530,00.

Melhor do jogo: Everton Ribeiro.

V= 24/ E= 13/ D= 11


Your Comment