RSS

GRÊMIO 1 x 0 América-MG

11ª RODADA do BRASILEIRÃO 2018 (38)

Depois do resultado negativo em casa o Tricolor volta ainda diante de sua torcida com a missão de tentar uma recuperação, em cima de um adversário que está no meio da tabela em função do bom trabalho desenvolvido por Enderson Moreira. Com a perspectiva de ceder o meia Jailson para o Santos, mas com Jael pronto para voltar, entra em campo na 7ª posição para enfrentar o 12°.

Na GRÊMIO ARENA – 10.06.

16h

.

Formação que inicia a partida:

Marcelo; Léo Moura (2), Bressan (22), Kannemann (4) e Cortez (12); Cícero (10), Arthur (29), Lima (13) e Luan (7); Everton (11) e André (90).

Cartões: amarelo para Cícero por interromper uma jogada colocando a mão na bola, aos24. Segundo tempo: amarelo para Everton (3°), aos 41.

Gols: Cícero lança Everton em velocidade, surgindo por trás da zaga, ele engana o goleiro com um toque de peito na bola e ganha dos zagueiros, empurrando a bola para as redes, aos 31.

Trocas: segundo tempo: Thaciano (16) vem para o jogo no lugar de Lima, aos 13; Jael (9) vem para o jogo no lugar de André, aos 19; Kaio (14) vem para o jogo no lugar de Luan, aos 44.

*

Primeiro tempo começando com o Grêmio tocando a bola e saindo para cima do adversário. Chute de Luan da intermediária pelo lado direito que o goleiro Jori pega no canto direito, aos 12. Cobrança de escanteio da direita, a bola cai limpa para Everton, que embaixo do gol chuta no travessão, aos 15. Nos primeiros minutos o América pretendeu apresentar alguma dificuldade para o adversário, tentando propor o jogo. Apesar de ter neutralizado a iniciativa, o Grêmio continua com certa dificuldade para atacar, e de novo a bola não chega no centroavante. Renato não gosta do que está vendo, e coloca três jogadores para aquecer antes mesmo do final do primeiro tempo. Chute rasteiro fraco de Aylon, que Marcelo pega no meio do gol, aos 42. Foi um primeiro tempo sem grandes emoções, mas o placar parcial é justo pelo que as duas equipes fizeram ao longo do tempo de jogo.

As duas equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo começando com o América tentando atacar. Cruzamento da direita que termina com chute cruzado de Gerson Magrão e defesa de Marcelo para fora da área, aos 3. Chute de Everton da entrada da área, que Jori defende no canto inferior esquerdo, espalmando para o lado, aos 37. Cobrança de falta da intermediária, bola aérea na área gremista que cai na cabeça de Rafael Moura, que obriga Marcelo a fazer a defesa que garante a vitória para o Grêmio, aos 46. O segundo tempo foi muito parelho, como de resto o jogo todo, que resultou em 55 a 45% de posse de bola para o time de Renato. Sem ser um time rápido, o América favoreceu o jogo de toque de bola do Grêmio, apesar de seguirem as dificuldades para atacar. A entrada de Jael mudou um pouco a dinâmica da partida. Ele sabe fazer parede, bate de frente com os zagueiros, sabe armar, serve a outros companheiros, que ficam em posição de marcar. A vitória dá um alento ao time antes da parada da Copa.

O resultado mantém o Grêmio na quarta posição sem chance de ser ultrapassado ao final da rodada.

*

Arbitragem: Rodrigo D’Alonso Ferreira (AB/SC), auxiliado por Helton Nunes (AB/SC) e Thiaggo Americano Labes (CBF/SC).

Público: pagante 12.953; total 14.460; renda R$ 372.021,00.

Melhor do jogo: Everton.

V= 20/ E= 10/ D= 8


Your Comment