RSS

GRÊMIO 1 x 1 Bahia

QUARTAS de FINAL da COPA do BRASIL 2019 (35)

JOGO de IDA

A saída de Montoya, a chegada de David Braz e a especulação sobre uma saída de Renato para treinar a Seleção Brasileira são algumas das novidades no retorno do Grêmio após o recesso da Copa América. Junte-se a isso a ida de Jean Pyerre para o banco e a volta de Luan ao esquema de falso 9, além da provável saída de Everton para o futebol europeu até o final da janela de transferência, em 31 de julho.

Formação que inicia a partida:

Na GRÊMIO ARENA – 10.07.

19h15

Paulo Victor; Léo Gomes (6), Geromel (3), Kannemann (4) e Bruno Cortez (12); Matheus Henrique (14), Maicon (8), Alisson (23) e Jean Pyerre (21); Everton (11) e André (9).

Primeiro tempo: começando com o Grêmio propondo o jogo, mas mais uma vez se deparando com um time que se defende bem e que sai rapidamente para o ataque. Chute de Jean Pyerre da entrada da área que vai no pé da trave direita de Douglas Friedrich, e na volta André não domina, aos 33. Cabeceio de André cara a cara com o Douglas e o goleiro faz defesa quase milagrosa no canto inferior esquerdo, aos 37. Não foi um bom primeiro tempo de nenhuma das equipes, apesar da superioridade gremista. Paulo Victor não fez nenhuma defesa, mal interveio em algum lance.

As duas equipes voltam sem mais alterações para o reinício de partida. O Bahia já havia feito uma mudança por lesão, na primeira etapa.

Segundo tempo: novamente começando com o Grêmio saindo para o ataque, mas apresentando a falha defensiva que propiciou o gol de empate. Quando Jean Pyerre foi substituído foram ouvidas vaias da torcida para o técnico Portaluppi. Artur faz jogada na esquerda, cruza para o meio da área e Paulo Victor faz intervenção desviando a bola, aos 33. O Grêmio passa o tempo atacando, concede alguns espaços ao adversário, corre riscos mas tem superioridade, que não consegue transformar em gol. Antes do final do jogo Felipe Vizeu sofre lesão e sai amparado chorando, e o Grêmio fica com dez homens a partir dos 40 minutos, pois já tinha feito as três substituições. Chute de Luan da intermediária que Douglas no meio do gol espalma de volta para o campo de jogo, aos 43. Vaias da torcida depois do apito final. Muito provavelmente, a menos que tenha sido por motivos de lesão, o Renat5o deu mancada ao tirar Jean Pyerre do time, que precisava reagir mas perdeu criatividade com a saída do meia. O Bahia fez o que tinha que fazer, arrancou o empate, portanto volta vivo para casa.

Cartões: segundo tempo: amarelos para Matheus, aos 45; Leonardo Gomes, aos 47.

Gols: Everton cobrando pênalti, aos 47, bola no canto inferior direito. Segundo tempo: cobrança de escanteio de pé trocado da direita, a bola viaja por cima e cai na pequena área, onde falham a defesa e o goleiro, e Gilberto empata o jogo, aos 3 minutos.

Trocas: segundo tempo: Pepê (25) vem para o jogo no lugar de Alisson, aos 19; Luan (7) vem para o jogo no lugar de Jean Pyerre. aos 20; Felipe Vizeu (10) vem para o jogo no lugar de André, aos 33.

O resultado mantém o Grêmio e o Bahia vivos, dependendo de vitória simples na semana que vem, na Arena Fonte Nova.

*

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique (MTR/RJ), auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa/RJ) e Luiz Claudio Regazone (AB/RJ).

Everton lançado em velocidade por Jean Pyerre na intermediária, entra na área e é derrubado por Douglas Friedrich; o árbitro não hesita em assinalar a penalidade, aos 45 da primeira etapa. Não houve consulta ao VAR.

Público: pagante 26.674; total 28.838; renda R$ 892.916.

Melhor do jogo: Everton.

V= 18/ E= 12/ D= 5


Your Comment