RSS

GRÊMIO 2 x 1 Estudiantes (1×2)

8ªs de FINAL da LIBERTADORES 2018 (52)

Chegada a hora da primeira real decisão para o time de Renato Portaluppi. Quando foi eliminado da Copa do Brasil o Grêmio ainda tinha alternativa. Desta vez se for novamente excluído da competição estará bastante atrasado em relação aos líderes do Brasileirão, e o sonho de um título em 2018 ficará definitivamente no campo do sonho. Por isso, força máxima e todo foco possível para enfrentar um adversário que joga sem uma grande cobrança, uma vez que é uma equipe nova, em formação.

Na GRÊMIO ARENA – 28.08.

21h45

Formação que inicia a partida:

Marcelo Grohe; Léo Moura (2), Geromel (3), Kannemann (4) e Cortez (12); Maicon (8), Jailson (25), Ramiro (17) e Luan (7); Everton (11) e Jael (9).

Primeiro tempo: começando com o Estudiantes procurando (e conseguindo) neutralizar o ímpeto inicial do time do Grêmio, e logo em seguida inverteu a vantagem, fazendo com que o Grêmio tivesse que correr muito mais para escapar de uma decisão por pênaltis. Depois do gol marcado o Estudiantes passou a pressionar o Grêmio, que passou alguns minutos acusando o golpe do gol sofrido. Sem esquema de jogo que favoreça a figura do centroavante, o Grêmio insiste nos cruzamentos para a área, todos eles consagrando o goleiro Andujar. O Estudiantes tem muito menos posse de bola mas ainda assim faz um confronto de igual para igual, porque falta ao Grêmio objetividade. Cobrança de escanteio de Everton, da direita, Luan apara a bola no outro lado, Andujar dá um primeiro tapa que quase coloca a bola para dentro do gol, e depois dá um segundo tapa botando a bola por cima do gol a novo escanteio, aos 40. O Estudiantes fez duas vezes mais faltas que o adversário, no primeiro tempo, mas o Grêmio saiu com dois jogadores importantes da defesa amarelados, enquanto o time argentino não teve nenhum.

O Estudiantes volta sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: chute de Jailson da Intermediária que Andujar espalma para escanteio, aos 12. O segundo tempo começa com a mesma dinâmica do final do primeiro, com o Grêmio tentando botar pressão no adversário, que só se defende e já faz cera. André deixa Luan em condições de desempatar, ele de dentro da área bate fraco para defesa de Andujar, aos 29. Nos minutos finais Renato abre mão do sistema defensivo para tentar marcar pelo menos um gol e levar a decisão para os pênaltis.

Cartões: amarelos para Maicon por falta violenta, aos 22; Ramiro, aos 44. Segundo tempo: amarelos para Léo Moura, aos 2; Alisson, por tirar a camisa na comemoração do gol, aos 47

Gols: jogada do ataque gremista,  Jael lança Everton na área, ele ganha do zagueiro  e desvia na saída do goleiro para abrir o placar, aos 6;.velocidade do ataque argentino, Geromel falha na dividida de bola, Lucas Rodríguez avança na direção do gol e desvia de Marcelo para empatar, aos 8. Segundo tempo: Luan cobra falta de pé trocado da esquerda, bola à meia altura na entrada da pequena área, onde Alisson estava para meter a cabeça na bola e desempatar, aos 47.

Trocas: segundo tempo: Alisson (23) vem para o jogo no lugar de Ramiro, na volta do intervalo; André (90) vem para o jogo no lugar de Léo Moura, aos 24; Pepê (15) vem para o jogo no lugar de Jailson, aos 34.

O resultado do tempo normal acarreta uma decisão por cobrança de tiros livres da marca do pênalti.

*

Arbitragem: Eber Aquino (Fifa/PAR), auxiliado por Juan Zorrilla (Fifa/PAR) e Dario Gaona (Fifa/PAR).

Público: pagante 45.420; total 48.082; renda R$ 2.171.893,00.

NAS COBRANÇAS de PÊNALTIS:

Maicon cobra e converte, o goleiro ainda toca na bola, mas não evita (1); Lucas Rodríguez bate e converte (1); Everton bate e converte, bola no canto inferior direito (2); Campi bate e erra, bola por cima do gol de Marcelo; Jael bate e converte, bola de novo no canto inferior direito (3); Noguera bate e converte (2); Alisson bate e converte, bola no canto inferior direito (4); Lugüercio bate e converte (3); André bate e converte, bola no canto inferior esquerdo (5).

O GRÊMIO se CLASSIFICA PARA as QUARTAS de FINAL

*

Melhor do jogo: Kannemann.

V= 26/ E= 14/ D= 12


Your Comment