RSS

Horizonte Problemático

SIM, NÃO, ou o QUÊ?

Nos últimos dias não tive, assim, nenhuma boa ideia para deixar anotada e fim de ajudar a escrever alguma coisa a mais no dia de hoje. Entretanto, uma notícia ruim para os assinantes da Sky me propicia abordar um tema que é em geral controverso por causa da maneira com que as pessoas o encaram, que é a combinação entre felicidade e ausência (ou não) de problemas.

De quebra, daria também para falar um pouco sobre a questão de se cometer ou não pequenas loucuras.

Começando pela notícia bombástica: sem acordo financeiro, o grupo FOX retira seus canais da grade da Sky. Significa que nós, assinantes daquela operadora, consideremo-nos felizes ou não, estamos com um problema, especialmente se formos torcedores de time que está na Libertadores, porque o canal Fox Sports é detentor dos direitos de transmissão.

O que nos diferencia com relação à felicidade ou ausência dela com relação a isso? A maneira como encaramos todas as outras circunstâncias de nossas vidas. Falando apenas por mim, que me considero uma pessoa feliz (de acordo com os critérios expostos em postagem recente): isso aí é um baita problema, primeiro de tudo porque o meu time está na Libertadores; segundo porque acompanho os jogos fazendo anotações para o blogue, portanto preciso das imagens, até para saber se posso falar bem ou mal do time, da arbitragem, dos adversários, etc.

Uma notícia dessas desperta em mim o lado adormecido da loucura, porque agora estou com alguns dias para tomar uma decisão maluca.

Para quem não sabe, e para refrescar a memória de quem sabe, há poucos meses fiz uma migração de operadora de tv fechada, saindo da OI TV e passando para a Sky. Não sei há quanto tempo, mas ainda não faz um ano. Para sair da Sky ainda estou no prazo de ter que pagar a multa contratual (mas aí tem uma questão, que é a de eu pagar um valor x pela mensalidade, que contemplaria todos os canais esportivos, o que a operadora agora passou a não poder mais oferecer).

Então eu estou para decidir entre duas loucuras: continuar pagando a Sky até fechar um ano de contrato, mas junto com isso contratar a NET, por exemplo, para poder contar com os canais Fox Sports 1 e 2 (ou seja, pagar por duas operadoras), ou largar a Sky pagando a multa rescisória, que não é barata. Uma das duas loucuras seria obrigado a fazer.

E ainda há quem ache que eu sou muito certinho da cabeça, e também há quem ache que pessoas felizes não têm problemas.

Como diria o narrador Pedro Ernesto Denardin: ahãm.


Your Comment