RSS

Mais Uma Lição

E ALGUMAS OPÇÕES

O pequeno contratempo desta quarta (18.05.) está me remetendo à oportunidade de estabelecer de forma consciente uma mudança de hábito que transforme minha rotina de saída do carro quando chego em casa de maneiras que nunca mais aconteça de eu esquecer o rádio ligado.

Não se trata de coincidência, mas há meses estou em processo de leitura do livro O Poder do Hábito, de Charles Duhigg, e há horas vinha pensando em escrever a respeito, sobre como consegui fazer com que se tornasse um hábito não deixar nada por lavar, na pia da cozinha, de um dia para o outro, ou de um turno para o outro. Há algumas variações no processo, como a expectativa de ter uma peça, apenas, para eu lavar e com isso lavar as mãos depois de passar no banheiro ao levantar para me arrumar para o trabalho.

O que eu preciso agora é criar algum tipo de expectativa pela qual eu anseie quando vou sair do carro, de forma que essa expectativa, ou anseio, seja atendido pelo ato de desligar o rádio. Uma alternativa é não colocar os fones, ou não ativar o rádio do celular sem que o do carro esteja desligado. Significa que eu teria que deixar tudo pronto e posicionado, no celular, para dar um toque no botão virtual da tela assim que enxergar o goodbye do rádio do carro.

 Outra hipótese seria a de só sair do carro depois que ler o goodbye (o que não acontece, por exemplo, quando chego de uma passada no supermercado, quando então a rotina é de primeiro recolher todas as compras e depois desligar o rádio).

O certo é que vou estabelecer algum tipo de hábito e treiná-lo conscientemente até que de maneira inconsciente esteja instalado. Não é difícil de fazer, como tantos outros hábitos que já desenvolvo.

 –

30.04.2016 (109)


Your Comment