RSS

Manhã de Folga

PENSANDO nas FÉRIAS

Quando fui deitar, na noite anterior, eu ainda não imaginava. Tive uma boa noite de sono pesado, embalado pela chuva miúda que batia na vidraça. Voltei a dormir sem problemas em todas as vezes que levantei para ir ao banheiro. Não estava frio e eu com pouca roupa embaixo do edredom. Mas quando os despertadores de pulso tocaram eu soube que seria vitimado por uma forte paralisia. Não houve jeito de sair da cama.

Em princípio, tendo em vista o número de horas dormidas, quase oito, não ficaria muito mais tempo deitado. O suficiente para mais uma boa cochilada antes de começar as atividades do dia. A primeira cochilada terminou às 8:24. Percebi que ainda teria imensas dificuldades para me mexer. Então dei mais uma fechadinha nos olhos, para uma segunda cochilada. Que foi até as 9:56. Bom, aí com ou sem paralisia eu teria que levantar.

Quando este tipo de coisa acontece, sempre penso na noite em claro que virá na madrugada seguinte. Penso também que ainda assim é melhor esticar o sono até tarde na manhã do que ficar lutado contra ele à tarde, ou pior, não resistir à tentação e passar um pedaço da tarde dormindo. Isso não dá, de jeito nenhum, para fazer.

Uma outra coisa que fico pensando é que daqui a pouco mais de três anos essa coisa de poder dormir até um pouco mais tarde se dará em base diária. Será coo meus pais me disseram, no domingo: para quê levantar cedo? Não pretendo chegar ao ponto de trocar o dia pela noite, mas não precisar mais levantar tão cedo será uma bênção. E com a vantagem de que desde muito tempo não preciso me preocupar com o que fazer com tantas horas livres. Tenho muitos interesses com que ocupar meu tempo com os quais hoje em dia ainda preciso leiloar o tempo para poder lidar.

Uma outra coisa que por experiência própria sou sabedor de como será é o que acontece nas minhas férias, e provavelmente acontecerá em agosto: à medida que os dias sem compromisso de trabalho forem passando, minha tendência será de levantar cedo, para aproveitar o dia. Meu pensamento é bem simples: posso levantar cedo hoje, porque se for o caso amanhã posso dormir mais; posso dormir mais, hoje, porque se perder o sono à noite não preciso levantar cedo para ir trabalhar amanhã.

Como falei, ontem, para minha filha, agora estou só pela oportunidade.


Your Comment