RSS

No Caminho

MONTANDO ESTRATÉGIA

Uma leitura que também consegui fazer, embora não com a profundidade que seria mais desejável, porém suficiente para eu refletir sobre uma possível estratégia ou ponto de vista diferente sobre o que sei a respeito das diferenças entre consórcio e financiamento imobiliário. Já chegou aos meus ouvidos o argumento de que financiamentos podem ter parcelas decrescentes. Também já é de meu conhecimento que uma carta de crédito de consórcio varia de acordo com o valor de um bem específico (e eu nem ando questionando o por que de o consórcio que ainda tenho para compra de automóvel, ainda que seja de meia parcela, nunca sofre variação, como se o bem a que ela se destina nunca sofresse alteração de preço), e esta variação pode ser mensal.

Tudo isso eu sei.

 A gente reclama dos juros do financiamento mas esquece que no consórcio, mesmo que seja sem juros, se paga taxa de administração, fundo de reserva, seguro, etc., que encarecem as parcelas, para nem falar que temos que contar sempre com a participação ativa de todos os cotistas. E é aí que começa uma outra linha de raciocínio.

No consórcio, em tese, todo mundo está ajudando todo mundo a contribuir para a realização do sonho de todo mundo. Alguns realizam o sonho um pouco mais cedo, outros mais tarde. Mas o cara que vai ficando para o fim corre mais riscos de não ver o seu realizado. Eu gosto de consórcio, acho bem legal, mas acho que funciona melhor para bens menores. Para imóvel já acho complicado.

Acho que prefiro mais agir com cautela. Usar o conceito de juros compostos, fazendo o dinheiro trabalhar para mim e juntando uma quantia capaz de me propiciar dar uma boa entrada e pagar prestações decrescentes em um financiamento. E muito importante: ter a disciplina para guardar a poupança (que é o único investimento em que confio, mesmo que pague pouco) o dinheiro que estaria desembolsando para pagar um consórcio.

E outra: tenho dito que não, que não, mas a verdade é que tendo um apartamento quitado com o qual possa fazer algum tipo de negócio, se surgir alguma oportunidade que seja muito boa e/ou imperdível, não tenho dúvida de que usarei. Mas não tenho dúvida nenhuma.

Então, com base nessas observações, um plano começa a tomar forma definitiva.


Your Comment