RSS

Primeira Vez

UMA REALIDADE

Bueno, então acontece que em alguns casos a atração se torna irresistível e não sobram alternativas (aliás, a gente nem procura por elas) a não ser a de se render e se entregar ao sentimento e a pessoa não fica sequer pensando se aquilo tem ou não tem fundamento.

Tenhamos alguma consciência sobre isso ou não, a grande verdade é que atraímos, sim, para nossa vida, aquilo em que acreditamos. Seja a prosperidade, seja a fatalidade, seja o amor. Nossos pensamentos criam a nossa realidade.

Talvez demoremos um pouco para vislumbrar isso. Talvez não estejamos preparados. Talvez levemos tempo demais até começar a pensar de um jeito diferente (levando em conta que possível que não exista o jeito certo de pensar, mas sempre temos a ilusão de achar que sabemos quando alguém está pensando errado). Muitas vezes é isso que causa grande demora no alcance de objetivos (considerando que eles eventualmente existam).

Todas essas coisas se misturam na minha cabeça quando começo a pensar no que nos moveu desde o início das conversações. Fosse qual fosse o objetivo de cada um individualmente, houve um momento em que passou a se tornar um objetivo comum. Que nenhum dos dois repeliu, nenhum dos dois reprimiu. E ai o que ocorre é uma perspectiva concreta de futuro e isso é tremendamente estimulante.

Não tem sensação melhor do que perceber que temos capacidade de fazer diferença na vida de alguém ao mesmo tempo em que percebemos que esse alguém faz diferença na nossa vida. Já aconteceu antes, no mundo, nas vidas de alguns dos bilhões de pessoas que passaram por este planeta.

Mas para mim é inédito.

 


Your Comment