RSS

Que Dificuldade

ATRAPALHADO COM o LANTERNA

Mesmo com desfalques, em tese o Grêmio é melhor do que o Atlético-GO com todos os titulares. É, sim, um jogo perigoso, tendo em vista a situação catastrófica do time da casa, que ao que se sabe já trabalha com a perspectiva de queda para a Série B de 2018.

Uma coisa que eu acho ruim no Grêmio é que entra muito facilmente na correria do adversário. Quando Luan não joga (e às vezes mesmo com ele em campo) o time tem dificuldade de fazer o tiki-taka. Everton ainda não entrou no jogo e a defesa está tendo problemas para conter o agora menos gorducho Walter, que segue sendo um cara habilidoso. Até o momento o goleiro do Atlético não foi incomodado.

Aos 31 minutos não é exagero dizer que o Grêmio se complicou na partida. Só o Atlético está jogando, e já poderia estar com o placar aberto. O Grêmio está se salvando na liga e na falta de pontaria do ataque goiano. Ainda no primeiro tempo Michel arrumou um problema para si levando cartão amarelo, e Pedro Rocha também não entrou na partida. Falta articulação ao time e nem Ramiro, nem Arthur, estão em noite inspirada.

No reinício de partida o Grêmio continua metido na correria do Atlético, sem conseguir impor o toque de bola. Foi dar seu primeiro chute que foi no gol, ainda assim sem qualquer perigo, aos 16 minutos do segundo tempo, é muito pouco.

A não marcação de um pênalti em favor do Grêmio no segundo tempo pareceu fazer o time crescer. Fernandinho passou a assumir o jogo e foi quem mais procurou o gol. Duas das alterações promovidas pelo técnico gremista tiveram participação decisiva no gol que manteve o time vivo na busca de aproximação do líder.


Your Comment