RSS

Segunda Fase

A MUDANÇA CHEGOU 

Com este post começa a cair a necessidade de escrever três textos por dia para alcançar a meta de 4.900 até o final do ano. A conta é bem simples: há o post dos resultados dos Outros, no Campeonato Brasileiro, a ser liberado logo mais à noite; haverá certamente o post do diário. E como já há um terceiro, que foi o anterior, comentando sobre a situação do Grêmio, com este muda a necessidade, embora isso possa ser compensado amanhã, caso eu produza apenas um texto.

Na verdade, não importa muito que eu produza apenas um texto em alguns determinados dias, porque em outros haverá mais de três publicados. Existe uma tendência muito grande de eu passar boa parte do tempo lidando com questões de estatística pessoal.

Falando em estatística: lá atrás, quando comecei a falar de planos e da necessidade da passagem do tempo para sua realização, eu dizia que era melhor fazer o acompanhamento em termos de dias, porque dias passam depressa. Lembro de ter mencionado o fato de que port ter todos os dias seriados para assistir na televisão e por ter futebol a cada três, quatro dias, o tempo passaria bem rápido. Um dos planos era a questão da aposentadoria. E hoje chegou o dia.

Depois do Sala de Redação vou sair de casa para fazer a assinatura do contrato com o INSS. Contrato de aposentadoria. É até engraçado pensar nisso, mas a verdade é que a partir de hoje a vida entra em uma outra lenta fase de mudança.

O fato de eu ainda precisar da passagem do tempo para a realização de outros planos e objetivos continua não me assustando. Pelo contrário, sempre penso que a passagem do tempo está trabalhando em meu favor. Assim como trabalha a meu favor o pensamento de que por tudo que se viu nos últimos tempos nenhum presidente, seja quem for, na próxima eleição, terá a péssima ideia de fazer confisco da poupança, como fez aquele ex-presidente cassado por corrupção.

Ou seja, eu vou, sim, continuar apostando meu PIB na poupança, contando com a passagem do tempo para a realização de metas. E a melhor parte é que será uma passagem de tempo muito tranquila, dividida em duas partes: a espera para a realização de metas com usufruto das que até aqui já foram alcançadas. Tudo isso ainda correndo o risco de pegar uma bolada na Lotofácil, mas sem precisar contar com isso para o sucesso da espera.

Viva a programação pessoal acompanhada de disciplina! .

 


Your Comment