RSS

Série B do Brasileirão 2017 – 5

Depois de mais um fracasso no campeonato da Série B, o Colorado radicaliza, poupando meio time titular, numa admissão de que existem problemas de preparo físico. Até mesmo o treinador ficou em Porto Alegre com os jogadores que não viajaram, e correu riscos de não estar presente à beira do campo por causa do mau tempo.

No ORLANDO SCARPELLI – 06.06.

20h30

FIGUEIRENSE 1 x 2 INTER

Gols: cobrança de escanteio de Carlinhos da esquerda, bola alta fazendo uma curva dentro da área e caindo na cabeça de Victor Cuesta, que sem pular manda de cabeça para as redes, longe do alcance de Thiago Rodrigues, aos 15; cruzamento da direita da linha de fundo, bola atravessando a área colorada e Henan quase de dentro do gol desvia para as redes, aos 23. Segundo tempo: cruzamento de Pottker da direita, bola rasteira atravessando a área do Figueirense e Diego, do outro lado, completa para as redes, aos 30.

*

Primeiro tempo começando com o Inter saindo para cima do adversário. Guto Ferreira começa o jogo com Brenner e Pottker no ataque e com Roberson e Carlos no meio de campo. Fabinho e Charles na volância. O Figueira, treinado por Márcio Goiano, tem dificuldades para atacar, tanto por deficiência técnica quanto por imposição do sistema defensivo colorado. Jogada de ataque do Figueirense pelo lado esquerdo que termina com chute rasteiro cruzado de dentro da área que Danilo espalma para o meio da área, sendo a bola aliviada pela defesa, aos 13. Depois do gol colorado o Figueira pareceu meio que se atrapalhar, mas logo em seguida passou a atacar com algum perigo. De maneira geral, não foi um bom primeiro tempo; houve alternância de predomínios das partidas em vários momentos, mas as únicas coisas que aconteceram foram os gols.

O Inter volta com o garoto da base Juan no lugar de Brenner. O garoto é meia. O Figueirense volta com Luigi no lugar de Pereira.

Segundo tempo começando com o Figueirense saindo para cima do Inter. O segundo tempo é basicamente vivido na navse de ataques do Figueirense, que passa a maior parte do tempo no campo colorado. Sem levar perigo efetivo, ainda assim Danilo Fernandes passa o tempo todo fazendo intervenções. No único lance de contra-ataque colorado até o momento a bola sequer passou da intermediária. Diante da inoperância do time, Guto tira Carlos e Roberson para colocar Diego e Valdemir, aos 24. Márcio Goiano tira Juliano, volante, e coloca Marco Antônio, um armador, aos 25. Cruzamento pela esquerda de ataque do Figueira que atravessa a área colorada e sai do outro lado pela linha de fundo, aos 26. Chute cruzado de Dudu Vieira da intermediária que obriga Danilo a fazer uma defesa importantíssima quase no ângulo superior direito, aos 28. O segundo gol colorado aconteceu num momento em que o Figueirense era melhor na partida, pressionando e perdendo várias oportunidades. Começou com uma jogada de Juan, que driblou três adversários e fez o lançamento para William Pottker. Antes, já tinha feito um outro lançamento importante que fora desperdiçado. Márcio Goiano saca Dudu Vieira e coloca Joãozinho, aos 34. Pottker lançado na intermediária arranca em velocidade e da entrada da área chuta em cima do goleiro, aos 38. Jogada individual de Luigi que começa com dribles desde a intermediária e termina com Junio salvando o Inter quase de cima da linha, aos 40. Ao contrário de partidas anteriores, o Inter estava correndo e levando perigo ao adversário nos minutos finais. Por uma desinteligência inexplicável em que deu um chute no garoto Juan quando uma jogada estava parada, Leandro Almeida levou cartão vermelho direto, aos 45, deixando o Figueirense empenhado no final da partida.

O resultado traz o Inter para o quinto lugar na tabela de classificação.

*

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (CBF/SP), com Daniel Luis Marques (CBF/SP) e Ricardo Pavanelli Lanutto (CBF/SP).

Público: pagante: ………………; total ………………; renda R$ ……………...

Melhor do jogo: Juan.


Your Comment