RSS

Brasileirão 2019 – 24 (8.802)

Depois de escancarada e covardemente roubado na rodada anterior, o Colorado vai ainda mais longe pelo Brasil com a missão de tentar recuperar os pontos perdidos, desta vez contra um adversário que está começando a mostrar reação e ensaia uma saída da zona do pântano. Entram na rodada como 17° e 6° colocados, por ordem de mando de campo.

No REI PELÉ – 09.10.

19h15

(0) CSA 1 x 0 INTER (2)

*

Primeiro tempo: começando com o CSA tentando engrossar o jogo, saindo para o ataque. O acompanhamento deste primeiro tempo está prejudicado pelo fato de a narração do rádio pela internet entrar depois das imagens na tv, transtorno provocado pela obrigatoriedade da rádio de transmitir a Voz do Brasil ente 7 e 8 horas. O que dá para dizer sobre o jogo é que, como não poderia deixar de ser, o Inter é melhor, já teve até bola na trave e o CSA se defende como pode, apesar de se empenhar em tentar botar uma correria quando consegue ter posse de bola. O Inter teve dois gols anulados por impedimento de Guilherme Parede, sem ajuda do VAR. Foram sete escanteios em favor do Inter e dois para o CSA. Vão ter que melhorar muito para o segundo tempo. Cruzamento de Apodi da direita, Naldo recebe e bate cruzado para defesa de Lomba, no chão,no canto esquerdo, aos 47.

As equipes tiveram que fazer mudanças ainda na primeira etapa, ambas por lesão. Voltam sem mais alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: começando com o CSA de novo saindo para cima do adversário. Chutes de Apodi da entrada da área, o segundo Lomba defende no chão, no meio do gol, aos 2. Chute fraco da intermediária que Lomba pega no chão, no meio do gol, aos 4. Antes da marcação do pênalti apenas o CSA havia tido uma oportunidade de gol com Alecsandro (aquele mesmo que já foi jogador do Inter).

Gols: segundo tempo: Jonathan Gomes cobrando pênalti de pé direito, manda a bola no canto direito de Lomba, que pula certo e quase pega. aos 20

Resultado que mantém o Inter na 6ª posição, mas depende de uma derrota do Bahia para nela permanecer.

*

Árbitro: Vinicius Furlan (AB/SP), com Emerson Augusto de Carvalho (Fifa/SP) e Enderson Emanoel Turbiani da Silva (AB/SP).

Aos 18 minutos do segundo tempo Uendel comete pênalti sobre Cauã, e o árbitro não titubeia em assinalar. Não precisou ajuda do VAR.

Público: pagante ………………….; total …………………….; renda R$ ……………………...

Melhor do jogo: 


Your Comment