RSS

Brasileirão 2019 – 28 (8.832)

Confronto direto entre o 8° e o 6° colocados (por ordem de mando de campo) na busca por uma vaga direta para a Libertadores de 2020. O Inter já anunciou que está vendendo Nico López para o Tigres do México. O jogador fica ainda até o final do Campeonato Brasileiro. Estreia de Zé Ricardo no comando do time colorado. Treinador tem mandato tampão até o fim do Brasileirão.

Na ARENA FONTE NOVA – 26.10.

19h

(1) BAHIA 2 x 3 INTER (3)

*

Primeiro tempo: o Inter começa com uma postura mais agressiva, não deixando o Bahia ficar com a bola, fazendo marcação alta e evitando que o Bahia ultrapasse a linha do meio do campo. Heitor cobra escanteio da direita, bola alta na área do Bahia, onde Victor Cuesta cabeceia, bola indo na trave direita, depois na trave esquerda, e daí a defesa espanta, aos 10. Chute cruzado da esquerda de Wellington Silva que Douglas Friedrich espalma para escanteio no canto direito, aos 14. Chute cruzado de Guerrero de dentro da área pela esquerda que Douglas no canto inferior direito manda para escanteio, aos 34. De modo geral o Inter foi melhor que o Bahia, especialmente na primeira metade do tempo de jogo. Depois o time de Roger equilibrou, apesar de não ter levado nenhum perigo ao gol de Marcelo Lomba. Ao menos conseguiu diminuir um pouco o ímpeto colorado.

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: o Inter volta para o segundo tempo bem mais disposto a atacar. Chute de Nino Paraíba da altura da meia lua pela esquerda que Lomba dá um tapa botando para escanteio por cima do gol, aos 13. Jogada de ataque pelo lado direito, sai cruzamento por cima, Fernandão cabeceia e Lomba pega no chão, no meio do gol, aos 28. Jogada do ataque do Bashia pela esquerda, sai chute cruzado de pé trocado que Lomba defende parcialmente para o lado no canto inferior esquerdo, aos 37. O Inter foi melhor que o Bahia no segundo tempo, apesar de todo o esforço do time baiano para esboçar reações. Realmente, reagiu, mas não o suficiente. Muitas vaias da torcida baiana no momento do apito final.

Gols: segundo tempo: jogada do ataque colorado pela direita, Heitor dá a bola a Guilherme Parede na entrada da área, ele escora para Guerrero, que bate cruzado e manda para as redes, bola no canto inferior direito de Douglas, aos 4; Nino Paraíba erra uma bola atrasada, sem querer lançando Guilherme Parede, que entra na área, tira douglas da jogada e completa para as redes, aos 7; jogada do ataque do Bahia pela direita, a bola cai com Artur dentro da área, ele corta para o meio e bate cruzado bola rasteira que vai no canto de Lomba, ela bate na trave, na cabeça do goleiro e entra, aos 25; Edenilson rouba uma bola ainda no campo do Inter, avança em velocidade, lança Guerrero na esquerda, ele entra na área, corta para o meio e bate a bola em curva, mandando no canto esquerdo de Douglas, aos29; depois de cobrança de escanteio, a bola fica rondando a área colorada até que Juninho vindo de trás apara cruzamento de Guerra de cabeça e bate forte, cruzado, bola no canto inferior direito de lomba, aos 42.

Resultado que dificulta a busca de uma classificação do Bahia por uma vaga na Libertadores e confirma o Inter no G-6, na 5ª colocação.

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (MTR/RJ), com Michael Correia (AB/RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (AB/RJ).

Público: pagante 27.542; total 28.136; renda R$ 482.263.

Melhor do jogo: Guilherme Parede.


Your Comment