RSS

Dia 54 – 2021

terça

Bom.

Então aconteceu que há mais de um ano se começou a ouvir falar sobre o surgimento de um novo tipo de vírus, e o que parecia se tratar de uma epidemia localizada na China se alastrou pelo mundo e virou uma pandemia cujo nome todo mundo conhece. Antes disso eu havia meio que abandonado este espaço, por problemas que o próprio WordPress estava criando, alguns dos quais descrevi em posts anteriores, antes de parar de publicar.

Para quem não me conhece, meu nome é Nilton Roberto, e qualquer outra informação sobre mim ainda está disponível nesta página.

Ao longo deste último ano algumas mudanças aconteceram na vida, a começar pela obrigatoriedade, causada pelo Coronavírus, de bilhões de pessoas ao redor do mundo terem que entrar para o regime de home office. Ou teletrabalho. Para muitas delas, motivo de graves problemas psicológicos. Para mim, motivo de júbilo. Nunca escondi de ninguém meu pensamento e sentimento de que “o mundo inteiro não vale o meu lar“.

A circunstância de trabalhar em casa (que para mim começou em 22 de Março de 2020) exigiu basicamente a existência de uma conexão de internet (a empresa disponibilizou uma ferramenta de trabalho instalada no meu notebook particular e outras ferramentas passaram a ser acessadas remotamente às estações de trabalho que ocupávamos na época), o que ensejou, no mês de julho, aquilo que para mim representou a realização de um sonho: com a boa vontade, colaboração e incentivo de minha esposa, nos mudamos para Nova Petrópolis.

Viemos para cá para empreender.

Pela minha idade, na primeira onda de Covid estava classificado como pertencente a um dos chamados grupos de risco (idosos a partir de 60 anos). Na segunda onda, com a (digamos assim) evolução do vírus, agora quaisquer pessoas de quaisquer idades são grupo de risco.

A mudança de domicílio num primeiro momento não deverá afetar em nada minha relação com a empresa, até porque já foram realizadas pesquisas internas e é dado como certo que pessoas inicialmente classificadas como grupo de risco permanecerão em home office, o que favorecerá e facilitará muito a questão do empreendedorismo.

Isso é tema para outra postagem.



Your Comment