RSS

Dia 64

08:47

Dia parcialmente nublado, com temperatura de 22ºC às 6:35 e previsão de pancadas de chuva.

BOM NEGÓCIO

O que o pessoal mais me pergunta é se eu fiquei só na parte de comprar a esteira ou se estou realmente usando.

Bem, hoje será o sétimo dia consecutivo que vou usar o aparelho. Meu organismo já se adaptou e vejo isso da seguinte maneira, quando vai chegando perto do horário que estipulei para a caminhada começa a me dar uma agitação interna do tipo não posso deixar passar, tenho que ir e não descanso enquanto não está tudo preparado para aquela hora de caminhada.

Percebi que à noite tenho dormido de forma mais pesada, levantando menos para ir ao banheiro, os intervalos ficaram maiores; em dias como hoje, que só Deus sabe a que horas estarei livre da função no prédio da Receita, para depois ir para casa, almoçar, e tals, já está decidido que quem vai dançar são os filmes na televisão, das 17 horas em diante, caso seja necessário avançar naquele horário, para caminhar. Amanhã, que vou à casa dos pais depois de sair do trabalho, como não vou poder caminhar e mais tarde tem o jogo do Grêmio, a ideia é de que, então, vou caminhar de noite, mesmo, aproveitando que estarei sozinho em casa (ou assim presumo).

Então, com base nisso, posso afirmar que, no que depender de mim, a esteira não vai virar cabide. Já estou até pensando no quanto vai ser bom caminhar no inverno, dentro de casa, olhando para o vento e a chuva lá fora.

SEM CHORO

Os dois dias da semana que uso para ajeitar a minha vida são segunda e sexta-feira, apesar de que esta semana tive dois compromissos fora deste calendário: na terça tinha horário com a dentista, ocasião em que depois de muito tempo almocei de novo no restaurante do Nacional da José de Alencar, que agora conta com televisões LCD que funcionam com close caption, para quem estiver perto, e é o ideal para quem não gosta de comer com barulho de televisão; na quarta fui ao Surdineiro, ali na Azenha, onde foram trocadas duas borrachas de sustentação do cano de descarga que estavam arrebentadas, ocasião em que testemunhei uma grande burrice do rapaz que trocou as borrachas, que mesmo tendo experiência, resolveu colocar as mãos no cano quente.

Hoje, por causa da minha grande dose de desorganização pessoal (e tem gente que acha que eu, como leonino, só porque mantenho meus cd’s em ordem rigorosa, por causa do catálogo, sou muito meticuloso), terei que dar um pulo ao chocolatão, o prédio da Receita Federal, para obter o número do recibo da declaração do IR de 2009. Nunca sei onde deixo esses recibos, e não é a primeira vez que tenho que fazer este tipo de indiada. Menos mal que o prédio é aqui perto, e ainda menos mal que havia uma última vaga no estacionamento da frente da empresa, onde deixei o Santa.

(PARA) FUSO HORÁRIO

ou

A LÓGICA do CONTADOR

A diferença de horário entre o Brasil e o Reino Unido é de três horas.

Naquele país, o relógio marca ½ noite quando aqui são 21 horas. Portanto, mesmo sendo regressivos, os números de horas, minutos e segundos das contagens estão sempre três horas à frente de nós. O detalhe que explica o por que da impressão de que a contagem está um dia a menos é que o dia corrente não aparece como dia, ele é representado justamente pelos números de horas, minutos e segundos. Por 24 horas ele aparece representado na coluna days, de dias, nas 24 horas seguintes é representado por horas, minutos e segundos. 

Estas duas compreensões, do fuso horário e de como os dias são representados no contador, tornaram muito fácil entender o que acontece no contador.

Foi por esta razão que eu entendi que o dia 98 para a Copa da África do Sul está representado por tantas horas, tantos minutos e tantos segundos, enquanto na coluna dia aparece o número 97. Amanhã o dia 97 estará representado pelas horas, minutos e segundos do dia corrente, enquanto na coluna dia aparecerá o número 96, e assim por diante. Por esta razão, a partir de hoje a contagem de dias para o início da Copa também estará aparecendo na parte de baixo desta página.


Your Comment