RSS

FLUMINENSE 2 x 1 GRÊMIO (5×4) (8.784)

22ª RODADA do BRASILEIRÃO 2019 (54)

Os reservas tricolores voltam a campo para representar o clube em busca de pelo menos um empate, enquanto os reservas ficaram em Porto Alegre ultimando os preparativos para o grande confronto de ida das semifinais da Libertadores, na próxima quarta-feira. O adversário de hoje vem de crise, após briga na beira do campo que determinou a queda de Oswaldo de Oliveira do comando da equipe. Entram na rodada ocupando a 16ª e a 7ª posições, por ordem de mando de campo.

No MARACANÃ – 29.09.

16h

Formação que inicia a partida:

Júlio César (22); Léo Moura (2), Paulo Miranda (28), Rodrigues (33) e Juninho (29); Rômulo (13), Darlan (37), e Luciano (18); Pepê (25) e André (90).

*

Primeiro tempo começando com o Grêmio fazendo marcação alta, saindo para cima do adversário. O Fluminense se fecha e fica esperando o Grêmio. Chute de Thaciano da entrada da área pelo meio que Muriel defende parcialmente, fechando o ângulo, aos 8. O Grêmio já havia tido um prejuízo no cartão amarelo muito cedo para um zagueiro. O outro é o Fluminense atacando pelo lado direito da defesa gremista, fazendo com que alguém sempre se desloque para a cobertura de Léo Moura.   Depois do gol marcado o Fluminense segue atacando, mas já em ritmo de administração, enquanto o Grêmio perde várias oportunidades de empatar. Se com a defesa titular o cabeceio do adversário já é uma garantia, imagine com os reservas. Todas as bolas altas cruzadas na área gremista foram cabeceadas por jogadores do Fluminense. A sorte é que todos eles erraram a direção do gol. Chute cruzado de Luciano de pé trocado da direita, que Muriel pega no meio do gol, aos 41. Digamos assim, houve até um certo equilíbrio nas ações ao longo de todo primeiro tempo. Fora da curva, só o gol fluminense.

As equipes voltam sem alterações para o reinício de partida.

Segundo tempo: precisando de recuperação, o Grêmio começa saindo para cima do adversário. Jogada de Darlan pela esquerda, sai cruzamento e Thaciano divide com Muriel, que faz impostante defesa, aos 8. Chute cruzado de Yony González da esquerda que Júlio César manda para escanteio no canto inferior direito, aos 34. Depois do gol de desconto, o que se espera do Grêmio é que tente esboçar uma reação para chegar ao empate. Isso até aconteceu, mas sem nenhuma qualidade. O Grêmio consegue a proeza de perder seis pontos para o Fluminense.

VAR: utilizado para confirmar a não marcação de um pênalti em favor do Grêmio, aos 14. Acionado para analisar a possibilidade de pênalti de Juninho Capixaba, não confirmado, aos 40

Cartões: amarelo para Paulo Miranda, aos 4. Segundo tempo: amarelos para Luciano, aos 9; André, por reclamação, aos 32; para o técnico Portaluppi, aos 38

Gols: jogada de Yony González dentro da áreas pela esquerda ganha de Léo Moura, faz cruzamento para o meio, Nenê meio desequilibrado bate cruzado, bola no canto inferior esquerdo de Júlio César, aos 6. Segundo tempo: jogada do ataque do Fluminense do meio parta a direita, a bola sobra para Caio Henrique, que bate cruzado de dentro da área, a bola ainda bate em Júlio César, mas vai para as redes, aos4; jogada do ataque gremista, a zaga do Fluminense tira mal depois de um chute fraco de Ferreira, e a bola sobra para Patrick, que chuta no canto inferior esquerdo de Muriel, aos 30;  

Trocas: segundo tempo: Patrick (30) vem para o jogo no lugar de Darlan, aos 9; Ferreira (47) vem para o jogo no lugar de Luciano, aos 21; Guilherme Azevedo (39) vem para o jogo no lugar de Léo Moura, aos 41.

Resultado que mantém o Grêmio na 7ª posição, mas deverá perdê-la caso o Bahia apenas empate seu jogo.

*

Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (AB/RN), auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Jean Marcio dos Santos (AB/RN).

Público: pagante …………………; total 17.791; renda R$ 208.325.

Melhor do jogo: Caio Henrique.

V= 29/ E= 16/ D= 9


Your Comment