RSS

Dia 166 – 2022

Quarta

UM MONENTO PARA REFLEXÃO

Em menos de quatro meses teremos eleições no Brasil. Não gosto de falar em política, não pretendo falar de política, mas não há como negar que temos problemas. A sociedade está dividida política e socialmente, as pessoas não gostam umas das outras, há desconfiança em todos os lugares. O que fazemos sobre isso? A grande resposta é: muitas coisas. E isso realmente depende dos principais impulsionadores do conflito.

Antes de determinar quem são ou quais são os impulsionadores de conflito, há uma outra coisa em que quero me concentrar. Nos tempos atuais, a maioria dos conflitos se desenvolve pela internet. “Gire uma teia de qualquer tamanho“. No contexto da transformação do conflito, podemos olhar para a sociedade como uma teia de relacionamentos: todos estão conectados de alguma forma. Na verdade, essa característica da web é o maior de todos os impulsionadores de conflitos. E os conflitos têm um efeito polarizador muito forte, quebrando a confiança, criando ressentimento e, finalmente, violência.

O objetivo original da criação da rede mundial foi criar um tecido social de ligações entre pessoas e organizações específicas de ambos os lados, ou de todos os lados. Era para ser uma integradora. E assim foi, durante vários e vários a nos, até que definitivamente se instalou a noção de impunidade. Hoje em dia já não se pode fazer ou dizer o que se quer na rede sem que isso traga consequências. Mas, mesmo assim, uma boa parte das pessoas parece não resistir a essa atração.

Isso pode certamente dar origem a conflitos, mas não deveria necessariamente irromper em violência total. Uma das coisas que não é levada em consideração pela maioria de nós (e eu me incluo nessa maioria) é que ainda mais importante do que o que fazemos para construir um tecido social é quem estamos conectando. Adicionamos e/ou seguimos pessoas e organizações que, pela natureza de seu trabalho ou de sua identidade, têm algum tipo de ligação ou potencial de ligação não apenas entre as linhas de divisão, mas também entre os níveis da sociedade.

Os indivíduos podem ser um imã ou um pastor de uma congregação, ou um professor de uma escola. Também podem ser grupos, especialmente organizações da sociedade civil. “Sociedade civil” significa cidadãos que se organizaram em torno de um propósito comum. Talvez eles trabalhem em educação, saúde ou serviço comunitário. Eles estão reunindo pessoas que são
diferentes e opostas umas às outras nesta situação conflitante. Budistas e Muçulmanos em Mianmar; Hutus e Tutsis em Ruanda; Democratas e Republicanos nos Estados Unidos.

Então, como você quer construir relacionamentos? Uma das opções poderia ser identificar conexões existentes que já estão funcionando e tentar fortalecê-las. Ou encontrar oportunidades para fazer novas conexões onde haja um bom potencial para elas.. Você primeiro poderia tentar entender quem você é e como está conectado nesta situação. Com base nisso, você talvez começasse a pensar: “Com quem mais posso me conectar e quais conexões posso fazer em outros lugares que seriam estratégicas entre diferentes atores-chave?

Uma boa notícia é que nunca tivemos uma ferramenta mais poderosa para construir relacionamentos do que a internet. Não quero dizer entrar no Twitter e deixar todo mundo saber como você se sente. Quero dizer construir relacionamentos reais com
humanos reais na vida real usando a internet como ferramenta. Não são apenas os trolls que dominam a internet. Nós também podemos. É por isso que eles a chamaram de World Wide WEB.

Apesar de muitas e muitas opiniões e gestos conflitantes, se eu pudesse dar algum conselho a alguém, eu diria, não odeie. Dê uma boa pensada nobre a sua atuação na web. Pense no seu valor único. Pense nas pessoas com quem você está conectado, que confiam em você e o ouvem, e então pense em como você pode usar essas coisas de maneira limpa, democrática e ética para perseguir o mundo que você gostaria de ver.

Ainda temos muito o que fazer.

Podemos ter uma ideia mais específica sobre o poder da internet clicando aqui.

E se este post fez algum sentido para você, compartilhe com seus amigos, deixe seu comentário e/ou dê sugestões sobre temas para postagem.


Your Comment






Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.